Escolha uma Página

Capítulo 1: Minúsculos sapos brasileiros

por

wattpad foto Thais Conde

Foto: Thais Condez

Eles não são maiores do que a unha da mão de uma pessoa adulta. Alguns têm uma cor vibrante, geralmente amarela, e costumam ser chamados de sapos-pingos-de-ouro. Outros, conhecidos como sapos-pulga, são geralmente de cor marrom.

 

Muito pequenos, estes anfíbios podem medir até dois centímetros quando adultos. No Rio de Janeiro, porém, vive uma espécie de sapo-pulga que mede apenas um centímetro e ostenta o título de terceiro menor vertebrado do mundo.

 

Encontrados apenas no Brasil e somente em áreas de Mata Atlântica, esses sapinhos vivem em montanhas, alimentando-se de ácaros, aranhas, formigas e outros pequenos artrópodes que vivem no chão da floresta. Podemos encontrá-los nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Espírito Santo, Minas Gerais e Santa Catarina.

foto thais condez

Foto: Thais Condez

Mas por que esses sapos são tão diminutos? Os cientistas acreditam que a diminuição do tamanho do corpo tem a ver com o ambiente que estes anfíbios habitam. Em geral, estes sapinhos vivem em topo de morros, que geralmente estão isolados entre si e apresentam condições menos favoráveis para a sobrevivência, como as baixas temperaturas. Isso provavelmente resultou, ao longo do tempo, em adaptações para favorecer a vida nesses ambientes. O tamanho reduzido seria uma dessas adaptações.

 

Algo interessante a contar sobre estes pequenos sapinhos é que ao menos três espécies apresentam uma toxina na pele, algo que costuma ser usado pelos animais para evitar a ação de predadores. Aparentemente, ela está presente nas espécies que têm cor vibrante na pele.

 

Aliás, sabe quais são os predadores destes pequenos sapos das montanhas? Aves conhecidas como macuco e jacupemba, além de aranhas. Porém, os sapinhos têm características que os ajudam a escapar de seus predadores. Além das toxinas presentes na pele de algumas espécies, o fato destes sapinhos viverem no meio das folhas do chão da mata e terem tamanho pequeno é algo que os ajuda a serem menos predados.

Capítulo 1: Minúsculos sapos brasileiros

Foto: Thais Condez